grávida
grávida

press to zoom
grávida
grávida

press to zoom
1/1

Apoio à fertilidade

A infertilidade afeta cerca 80 milhões de pessoas em todo o mundo estimando-se que um em cada dez casais sofre de infertilidade primária ou secundária.

As principais causas de infertilidade estão associadas a:

  • fatores femininos :

    • endometriose

    • alteração da ovulação/hormonal

    • obstrução das trompas uterinas

    • entre outros

  • fatores masculinos :

    • ausência total ou parcial de espermatozoides

    • alteração na mobilidade, forma e pH dos espermatozoides

    • entre outros 

  • ou sem causa aparente

Estudos sobre o efeito combinado da acupunctura com as terapêuticas convencionais mostraram que a acupunctura aumenta a taxa de êxito da Fertilização in vitro em cerca de 65%, além de:

  • Regular o ciclo menstrual

  • Melhorar o fluxo de sangue no útero

  • Reduzir o stress e ansiedade relacionada à infertilidade

  • Aumentar a quantidade e qualidade de esperma

  • Normalizar o sistema hormonal e endócrino

As grávidas podem fazer Acupuntura?

A gravidez é uma das fases mais delicadas da vida de qualquer mulher. Assim, compreendem-se bem os cuidados e os receios que as grávidas têm quando se fala em métodos diferentes dos convencionais para ajudar a ultrapassar esta fase tão bela. A Acupuntura tem vindo a ganhar cada vez mais adeptas durante a fase da gravidez mas também na fase da amamentação já que esta técnica não provoca efeitos secundários nem afeta o recém-nascido. Por outro lado apresenta melhorias no quadro clínico da paciente e pode ajudar nos enjoos, nas insónias, na ansiedade, nas oscilações de humor, no reposicionamento fetal, no parto (processo de dilatação), nas dores lombares, na dor ciática, nos pós-parto, entre outras.

Conclusão e resposta à pergunta: as grávidas podem e devem fazer Acupuntura. Muito importante: procure um especialista experiente e credenciado.

  • Facebook
  • Instagram