Dor crónica
Dor crónica

Dor crónica
Dor crónica

1/1

Dor crónica e Dor aguda

Dor aguda 

A dor aguda surge repentinamente e tem duração limitada.

Tem como função alertar o indivíduo da existência de alguma lesão ou disfunção geral no organismo.

Esta dor pode ter duração mais prolongada, até três meses. As causas mais comuns são as lesões traumáticas (contusões musculares), cólicas intestinais, a dismenorreia (cólicas menstruais), algumas cefaleias e as dores pós-operatórias ou relacionadas a infeções bacterianas (abscessos e furúnculos, otites, faringites etc.).

Dor crónica 

Trata-se de uma dor persistente, recorrente durante, pelo menos, 3 a 6 meses, que pode persistir após cura da lesão que lhe deu origem, ou que pode existir sem lesão aparente. 

Esta dor pode estar associada a diversas patologias, tais como osteoartrite, artrite reumatoide, fibromialgia, lombalgias e cervicalgias por hérnia discal, neuralgia do trigémio, nevralgia pós-herpética ou patologias por esforço/ movimentos repetitivos (tendinite, síndrome do túnel cárpico, epicondilite), por doença oncológica, etc.

O que tratamos:

  • Tensão muscular generalizada

  • Osteoartrite (joelhos e anca)

  • Dor de pescoço, Ombro

  • Lombalgia, Ciática

  • Tendinite

  • Síndrome do Canal Cárpico

  • Fascite Plantar

  • Esporão do Calcâneo

  • Cefaleias e Enxaquecas

  • Artrite

  • Fibromialgia

  • Epicondilite

  • entre outros

  • Facebook
  • Instagram